Top 5 da Semana

Postagem Relacionada

Como plantar Papoula

A papoula é uma flor que veste-se de cores vívidas, chamando toda atenção para ela. Mas ela tem uma substância altamente tóxica que inclusive, proibiu seu cultivo comercial aqui no Brasil: o ópio.

Mesmo assim, preparamos um artigo especial para você conhecer um pouco mais sobre esta flor exótica e também te ensinar como plantar papoula passo a passo.

Origem

Anteriormente, a papoula, Papaver somniferum,  era usada na produção do ópio com a finalidade de servir como calmante. E  também a substância era utilizada para dormir melhor.  Ela já era utilizada pelos sumérios a cerca de 5.000 mil anos para tratar problemas de saúde.

Na Mesopotâmia e Assíria também era usada para fins medicinais. Posteriormente, ela passou a ser cultivada no hemisfério norte. Hoje ela é usada para alimento, ornamento e para produzir o ópio.

Existem espécies cultivadas nos Estados Unidos que são aveludadas como também é produzida em larga escala na Itália tendo mais de 120 espécies.  Sua produção também é permitida na Tailândia e Tasmânia.

Características

Apesar de terem a postura de flores selvagens, a papoula elas tem surpreendentemente em todas as cores do arco-íris. Apesar disso, as mais conhecidas são papoula-vermelha, papoula-branca e papoula-de-sangue e papoula d’ água.

É uma flor fácil de cultivar e pode crescer de 30 a 80 cm de altura. Suas flores tem pontos negros na base que forma um círculo bem visível quando acontece a abertura das pétalas. Tem seu caule bem longo e robusto.

A papoula certamente tóxica por inteiro, salvo suas sementes que não são. Dela é retirado o látex branco de onde se extrai a substância para fazer a morfina e a heroína.

A papoula flor tem várias espécies, a saber, flores que se distinguem por serem cultivas em locais úmidos ou secos:

  • Papoula da Califórnia – prosperam em terra mais seca como também em solo infértil
  • Papoula roxa – se reproduz em solo seco mais prefere que tenha um pouco de umidade.
  • Papoula de trigais – essas flores com toda certeza exigem solo fértil, rico em matéria orgânica e úmido
  • Papoula celidônia – flor selvagem que se desenvolve em terrenos bem úmidos

Plantio da papoula

Antes de tudo, é importante saber que a papoula planta não tem sucesso se plantada à partir de mudas. Seu plantio deve ser feito diretamente com sementes. Primeiramente, escolha bem qual o tipo de flor você vai cultivar.

Pois o sucesso do seu cultivo vai depender do tipo de solo, se é infértil, fértil, com pedras ou pedregulhos. Neste caso é possível resolver com compostos orgânicos, adubos e fertilizantes. As sementes da papoula precisam germinar e por isso, devem ser plantadas em épocas com temperatura mais amena para que isso ocorra perfeitamente. O pH do solo deve ser de 7.

Como plantar papoula em vaso ou horta

Esta flor é muito versátil e forte pois consegue sobreviver em vários tipos de solo e clima. Mas nem por isso, não precisa de cuidados. Confira como plantá-la:

  • Pegue um vaso médio com furos no fundo para uma boa drenagem
  • Por conseguinte, encha com terra simples, misturada com um pouco de adubo
  • Lance as sementes na superfície do vaso e misture um pouco da terra por cima
  • Umedeça com água, utilizando um borrifador e a deixe diretamente no sol.
  • Dentro de 6 semanas, os brotos irão surgir
  • Sempre esteja removendo as folhas velhas para incentivar o crescimento de novas

Na horta

  • As papoulas tem uma particularidade, a saber, são cultivada na superfície do solo. Isto quer dizer que não é necessário fazer covas para as sementes.
  • Basta somente arar a terra com um ancinho
  • Em seguida, lance as sementes no solo
  • Umedeça com água, cuidando para não encharcar
  • De 14 a 28 dias, elas começam a germinar
  • Quando seus brotos surgirem, faça podas com a finalidade de deixar a planta se expandir bem durante o crescimento

Quando devo plantar a papoula?

O plantio da flor será mais promissor se for entre a primavera e outono.

Quanto tempo demora para a papoula florescer?

Esta incrível flor floresce com todo seu vigor entre maio e junho

Como adubar a papoula

A papoula, em sua maioria, se desenvolve sem problema algum em solos pobres. Mas se a espécie que escolheu para plantio precisa de algum cuidado a mais, adubos orgânicos são os ideais.

Use por exemplo húmus, esterco de aves, restos de vegetais ou casca de ovos em pó. Você pode fazer a adubação 1 vez por semana e dependendo do desenvolvimento da flor, pode estender esse prazo.

Benefícios da papoula

A papoula apesar de “tóxica” tem sua vantagens, basta saber como utilizá-la. Confira a seguir os benefícios de suas sementes que possuem muitos nutrientes:

Fonte de cálcio

A flor contém cálcio e carboidratos que liberam energia e ácidos graxos excelentes para a saúde do nosso organismo.

Boa digestão

A vitamina C presente na flor ajuda a produzir colágeno que são importantes para manter os tecidos do estômago saudável.

Cérebro saudável

O ferro e minerais presente na flor, deixam os neurotransmissores equilibrados, melhorando as funções cerebrais.

Sistema imunológico saudável

A flor estimula a produção de glóbulos brancos que posteriormente, fortalecem a imunidade do organismo.

Sono tranquilo

A papoula certamente ajuda a dormir melhor. Isso porque tem ela tem magnésio que tem a função de aumentar a melatonina, hormônio do sono e diminuir o cortisol, hormônio do estresse.

Saúde para os ossos

O cálcio presente na flor fortalece os ossos o que por conseguinte, evitando doenças como por exemplo, a osteoporose.

Úlcera bucal

A ação anti-inflamatória existente na papoula, combate tanto infecções como também inflamações. Além disso, tem ação bacteriana que causa o resfriamento do local afetado, facilitando a cicatrização.

Fluxo sanguíneo equilibrado

Esta flor possui entre muitos minerais o potássio que causa dilatação nos vasos sanguíneos. Isso posteriormente, proporciona uma melhor fluidez do sangue nas artérias e veias.

Prevenção de doenças cardíacas

A semente dessa flor tem o ácido linoleico que certamente protege o coração de ataque cardíaco entre outras doenças.

Antioxidantes

Os antioxidantes existentes na semente da papoula previnem doenças oculares. E além disso, combate e previne o câncer de mama.

Pragas que prejudicam a papoula

A papoula não tem tanto inimigos assim querendo se envenenar com sua toxidade. Mas os fungos, se alimentam do caule da flor. Para eliminar essa praga, um inseticida apropriado resolverá esse problema.

Quando não consumir as sementes de papoula

A resina dessa flor é proibida para qualquer pessoa por seu efeito tóxico e viciante e narcótico. Ao contrário de males da resina da papoula, a semente não tem nenhuma dessas toxinas.

Sendo assim, até hoje não foi comprovado nenhum efeito colateral em sua utilização. Mas é preciso somente ter prudência e não exagerar em seu consumo, principalmente indivíduos que siga uma dieta pobre em gorduras.

 

 

 

 

 

 

 

 

Raquel Martins
Raquel Martins
Raquel encontrou sua paixão nos campos e vive para cultivar um mundo mais verde e sustentável. Com um amor profundo pela natureza desde tenra idade, ela seguiu seu coração e mergulhou no universo da agricultura. Nascida em uma pequena comunidade rural, Raquel absorveu os ensinamentos sobre plantio, colheita e respeito pela terra desde cedo. Sua jornada na agricultura começou como um fascínio infantil que se transformou em uma carreira e uma missão de vida. Após anos de estudo e prática, Raquel se tornou uma defensora apaixonada da agricultura sustentável. Ela acredita firmemente na importância de técnicas que preservem os recursos naturais, promovam a biodiversidade e ofereçam alimentos saudáveis para todos. Raquel também é conhecida por compartilhar seu conhecimento, ministrando workshops e palestras sobre práticas agrícolas ecologicamente corretas. Sua dedicação incansável à agricultura responsável a tornou uma referência na comunidade, inspirando outros a seguirem um caminho semelhante.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Artigos Populares